SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número5Síndrome de burnout e fatores associados: um estudo epidemiológico com professoresDeclínio da cárie em um município da região noroeste do Estado de São Paulo, Brasil, no período de 1998 a 2004 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

BOZELLI, Carlos Eduardo; ARAUJO, Silvana Marques de; GUILHERME, Ana Lúcia Falavigna  e  GOMES, Mônica Lúcia. Perfil clínico-epidemiológico de pacientes com doença de Chagas no Hospital Universitário de Maringá, Paraná, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2006, vol.22, n.5, pp.1027-1034. ISSN 0102-311X.  https://doi.org/10.1590/S0102-311X2006000500015.

Este trabalho descreveu o perfil clínico-epidemiológico de pacientes com doença de Chagas atendidos no ambulatório e na internação do Hospital Universitário de Maringá (HUM), Paraná, Brasil, entre maio de 1998 a maio de 2003. A média de idade foi maior no serviço de internação (p < 0,000). O sexo masculino predominou entre os internados e o feminino entre os ambulatoriais (p = 0,0033). De 95 pacientes, 60% nasceram em Minas Gerais e São Paulo e 25,3% no Paraná. A história familiar para doença de Chagas foi positiva em 68,9% deles e 53,3% relataram a presença de triatomíneos no domicílio. Em ordem decrescente ocorreram as formas clínicas cardíaca, digestiva, indeterminada e cardiodigestiva. A forma indeterminada prevaleceu entre os ambulatoriais e as formas cardíaca e digestiva entre os internados. As complicações crônicas cardíacas e digestivas foram as principais queixas para a internação. Destacam-se os altos percentuais de doença cardíaca (38,9%) e digestiva (26,3%) encontrados neste estudo, de forma distinta ao que acontece em outras regiões geográficas. O HUM disponibiliza o tratamento sintomático dessas complicações e não prioriza o tratamento etiológico mesmo para pacientes em fase indeterminada.

Palavras-chave : Doença de Chagas; Perfis Epidemiológicos; Hospitais Universitários.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons