SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número6Malária no Estado do Amapá, Brasil, de 1970 a 2003: trajetória e controlePrevalência e fatores associados para sobrepeso e obesidade em escolares de uma cidade no Sul do Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

CAMPOS, Sibylle Emilie Vogt  e  LANA, Francisco Carlos Félix. Resultados da assistência ao parto no Centro de Parto Normal Dr. David Capistrano da Costa Filho em Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2007, vol.23, n.6, pp.1349-1359. ISSN 1678-4464.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2007000600010.

A qualidade da assistência prestada em Centro de Parto Normal (CPN) por enfermeira obstetra é amplamente questionada. Foi realizado um estudo descritivo e retrospectivo de 2.117 partos ocorridos entre janeiro de 2002 e julho 2003, no CPN Dr. David Capistrano da Costa Filho, em Belo Horizonte. Entre os principais resultados da assistência, destacam-se a taxa de transferência materna com 11,4%; a taxa de cesárea com 2,2%; a taxa de admissão em Centro de Tratamento Intensivo (CTI) neonatal de 1,2%; e a taxa de Apgar < 7 no 5º minuto de 1%. Distocias de trabalho de parto e o desejo por analgesia peridural foram as maiores causas para a transferência materna, enquanto o distúrbio de desconforto respiratório foi a causa principal para admissão dos recém-nascidos no CTI. A mortalidade neonatal corrigida foi de 2 casos em mil nascidos vivos. Percebe-se que os resultados do CPN em estudo não diferem dos dados referidos na literatura internacional. A baixa taxa de cesárea é talvez o resultado mais evidente. Estudos comparativos nacionais são necessários.

Palavras-chave : Assistência Perinatal; Enfermagem Obstétrica; Parto.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons