SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue4A descriptive profile of the canine population in Araçatuba, São Paulo State, Brazil, from 1994 to 2004 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

BRITO, Daniele Mary Silva de et al. Qualidade de vida e percepção da doença entre portadores de hipertensão arterial. Cad. Saúde Pública [online]. 2008, vol.24, n.4, pp. 933-940. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2008000400025.

Objetivou-se investigar a qualidade de vida de portadores de hipertensão arterial e associar estes resultados à percepção dos pacientes sobre a gravidade da doença. Foram avaliados 113 pacientes com hipertensão arterial em seguimento em uma unidade de saúde de Fortaleza, Ceará, Brasil, de maio a agosto de 2002, utilizando-se uma escala de avaliação internacional de qualidade de vida, denominada SF-36. Do total de pacientes, 77% eram do sexo feminino, grande proporção com idade superior a 50 anos, vivendo com familiares e exercendo algum tipo de ocupação. Pela avaliação da SF-36, observou-se comprometimento da qualidade de vida nos diferentes domínios, embora os pacientes tenham considerado a doença como sem gravidade e curável. Essas circunstâncias podem interferir no acompanhamento da doença ao longo do tempo, situação que compromete sua qualidade de vida. Conforme se conclui, a avaliação pela SF-36 entre os portadores de hipertensão arterial produziu resultados significativos, indicando prejuízo geral na qualidade de vida. De acordo com o apontado por esses resultados, a hipertensão prejudica as dimensões sociais e físicas dos pacientes, mas tal situação poderá ser alterada com prestação de serviços qualificados.

Keywords : Questionários; Qualidade de Vida; Hipertensão.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese