SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue3STD/AIDS prevention in Portuguese-speaking Africa: a review of the recent literature in the social sciences and healthThe gender approach in community AIDS projects in Mozambique: agreement and disagreement between government and civil society author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

PASSADOR, Luiz Henrique. "Tradição", pessoa, gênero e DST/HIV/AIDS no Sul de Moçambique. Cad. Saúde Pública [online]. 2009, vol.25, n.3, pp. 687-693. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2009000300024.

No Sul de Moçambique, a noção "tradicional" de pessoa constrói-se numa perspectiva processual, como fluxo de relações sociais diacrônicas e sincrônicas que congregam parentes e outros pares, inclusive os espíritos. Pessoa e corpo são pensados como elementos atravessados e determinados por essas relações, que congregam as relações de gênero em termos de complementaridade realizada nas alianças e produção da descendência. Num sistema de descendência local, é através das mulheres que a filiação e a descendência são possíveis, gerando a pessoa masculina e feminina. Essa posição estrutural as coloca sob suspeitas de promoção da desconstrução da pessoa, sendo as doenças percebidas como dados objetivos que apontam para tal ação. Em certa medida, o HIV/AIDS tem sido experimentado nos termos dessa disposição sócio-cultural que define as doenças como ações de sujeitos sociais que colocam em risco a pessoa, construindo uma situação de vulnerabilidade das mulheres ao estabelecê-las como promotoras de doenças. Tal cenário tem determinado as experiências que os sujeitos têm com a epidemia e com os discursos e políticas públicas de prevenção e tratamento das DST e HIV/AIDS.

Keywords : Relações Interpessoais; Síndrome de Imunodeficiência Adquirida; Doenças Sexualmente Transmissíveis; África.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English