SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 suppl.2Social inequalities and the rise in violent deaths in Salvador, Bahia State, Brazil: 2000-2006 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

COTTA, Rosângela Minardi Mitre et al. Determinação social e biológica da anemia ferropriva. Cad. Saúde Pública [online]. 2011, vol.27, suppl.2, pp. s309-s320. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011001400017.

Neste estudo transversal, objetivou-se conhecer a determinação social e biológica da anemia em crianças cadastradas no Programa Bolsa Família (PBF). Foram avaliadas 446 crianças (69,1% do total cadastrado) com idade entre 6 e 84 meses, sendo que 262 (60,2%) recebiam o benefício, e 184 (87,6%) não recebiam. O teste de anemia foi realizado com o hemoglobinômetro portátil Hemocue, e os pontos de corte adotados foram 11,0 e 11,5g/dL, segundo a faixa etária. Utilizou-se regressão de Poisson hierarquizada com variância robusta para análise multivariada. Não houve diferença entre as prevalências de anemia entre os grupos beneficiários e não-beneficiários. Os fatores de risco para essa carência foram baixa escolaridade paterna, parto cesariano, consumo de água sem tratamento, baixa estatura e idade inferior a 24 meses. A prevalência de anemia no grupo de crianças menores de dois anos não-beneficiárias foi significantemente maior do que no grupo beneficiário de mesma idade, o que sugere a importância do benefício do PBF no combate à anemia em crianças.

Keywords : Anemia; Programas Governamentais; Fatores de Risco; Renda.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English