SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 número7Fatores associados ao sofrimento psíquico de policiais militares da cidade do Rio de Janeiro, BrasilPoluentes ambientais e internações devido a acidente vasculoencéfalico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311X

Resumo

QUINTANA, Maria Inês et al. Validade do diagnóstico de transtorno de estresse pós-traumático do Composite International Diagnostic Interview (CIDI 2.1) de acordo com os critérios diagnósticos da DSM-IV. Cad. Saúde Pública [online]. 2012, vol.28, n.7, pp.1312-1318. ISSN 0102-311X.  https://doi.org/10.1590/S0102-311X2012000700009.

O objetivo deste artigo foi estudar a validade concorrente da seção de transtorno de estresse pós-traumático do CIDI 2.1 critérios DSM IV, utilizando o Structured Clinical Interview (SCID) como padrão-ouro, e comparar o diagnóstico de TEPT entre CID-10 e DSM IV. O CIDI foi aplicado por entrevistadores leigos treinados e o SCID por uma psicóloga. A amostra foi composta por sujeitos da comunidade e de um ambulatório de especialidade psiquiátrica. Sessenta e sete sujeitos completaram ambos os questionários. O coeficiente kappa foi de 0.46 ao comparar DSM IV com a SCID. A validade diagnóstica usando critérios do DSM IV foi de: sensibilidade = 51.5%, especificidade = 94.1%, valor preditivo positivo = 89.5%, valor preditivo negativo = 66.7%, taxa de classificação incorreta = 26.9%. O CIDI 2.1 apresentou valores baixos para os coeficientes de validação de TEPT usando os critérios do DSM IV ao comparar com o SCID. A principal causa de discordância foi o grande número de casos falsos negativos devido aos sintomas de significância clínica e sintomas de evitação.

Palavras-chave : Transtornos de Estresse Pós-Traumáticos; Transtornos Mentais; Diagnóstico.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons