SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número5A vida das mulheres na era do Zika: vidas controladas por mosquitos? índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

BACURAU, Aldiane Gomes de Macedo  e  FRANCISCO, Priscila Maria Stolses Bergamo. Prevalência de vacinação contra gripe nas populações adulta e idosa com doença respiratória pulmonar crônica. Cad. Saúde Pública [online]. 2018, vol.34, n.5, e00194717.  Epub 28-Maio-2018. ISSN 0102-311X.  https://doi.org/10.1590/0102-311x00194717.

O objetivo foi estimar a prevalência de vacinação contra gripe nas populações adulta e idosa com doença respiratória pulmonar crônica (DRPC). Foram considerados os indivíduos com idades entre 20 e 59 anos (n = 23.329) e ≥ 60 anos (n = 9.019) que participaram da Pesquisa Nacional sobre Acesso, Utilização e Promoção do Uso Racional de Medicamentos (PNAUM), realizada em 2013-2014. Estimaram-se as prevalências de vacinação contra gripe e os respectivos intervalos de 95% de confiança (IC95%). As associações foram verificadas pelo teste qui-quadrado (Rao-Scott), considerando-se um nível de 5% de significância. Para o conjunto dos indivíduos com DRPC, a prevalência de vacinação foi de 42,1% (IC95%: 37,2-47,1), com diferença estatisticamente significativa em relação aos grupos etários (p < 0,001). Para a população adulta, verificaram-se diferenças significativas em relação à situação conjugal (p < 0,05), e para os idosos, observou-se maior prevalência no Sul em relação ao Nordeste (p < 0,05). Para o conjunto dos entrevistados, bronquite crônica foi a doença mais referida (43,5%). Considerando-se cada doença específica, o percentual de adultos vacinados foi baixo, variando de 25% (outras doenças pulmonares) a 42% (bronquite crônica), sem apresentar diferença estatisticamente significativa (p = 0,330). Tanto os portadores de doença pulmonar quanto os idosos em geral (≥ 60 anos) fazem parte de grupos prioritários para a vacinação contra gripe e, de modo geral, para todos os subgrupos considerados, as prevalências estiveram abaixo da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde. A recomendação da vacina pelos profissionais de saúde pode contribuir para uma maior adesão desse grupo à vacinação.

Palavras-chave : Vacinação; Influenza Humana; Doenças Respiratórias; Adulto; Idoso.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )