SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número5Uma nova medida de desfecho relatada pelo paciente para avaliar barreiras percebidas à adesão à terapia antirretroviral: a escala PEDIA índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

BARRA, Júlia Valério; SILVA, Wanderson Roberto da; MAROCO, João  e  CAMPOS, Juliana Alvares Duarte Bonini. Adaptação transcultural e validação do Questionário de Atitudes Socioculturais em Relação à Aparência-4 (SATAQ-4) aplicado a estudantes universitários. Cad. Saúde Pública [online]. 2019, vol.35, n.5, e00170218.  Epub 20-Maio-2019. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/0102-311x00170218.

O objetivo deste estudo foi traduzir e adaptar culturalmente o Questionário de Atitudes Socioculturais em Relação à Aparência-4 (SATAQ-4) para a língua portuguesa e avaliar sua validade e confiabilidade quando aplicado a estudantes brasileiros. Realizou-se a validação de face, de conteúdo e pré-teste. Para a avaliação do índice de incompreensão, participaram do pré-teste 91 estudantes de três países de língua portuguesa (25 brasileiros, 37 portugueses e 29 moçambicanos). A validade de construto foi estimada utilizando-se estratégia confirmatória com os índices razão de qui-quadrado pelos graus de liberdade (χ²/gl), comparative fit index (CFI), Tucker-Lewis index (TLI) e root mean square error of approximation (RMSEA). A confiabilidade foi estimada. A invariância foi estimada para amostras independentes, para o sexo e presença/ausência de sobrepeso/obesidade. Todos os itens do SATAQ-4 foram compreendidos pelos estudantes do pré-teste. No estudo principal, participaram 1.051 universitários brasileiros (idade = 20,9 anos; DP = 2,4; 66,4% mulheres). O SATAQ-4 apresentou adequada validade (χ²/gl = 8,39; CFI = 0,98; TLI = 0,98; RMSEA = 0,08) e confiabilidade (alfa de Cronbach = 0,84-0,95) na amostra. O modelo apresentou invariância entre amostras independentes e foi não invariante segundo sexo e presença/ausência de sobrepeso/obesidade. Conclui-se que o SATAQ-4 é um instrumento válido e confiável para amostra de universitários brasileiros, sendo uma alternativa para a avaliação das atitudes socioculturais em relação à aparência nesta população.

Palavras-chave : Imagem Corporal; Características Culturais; Psicometria; Estudos de Validação; Questionários.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )