SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 número12A autoetnografia performática e a pesquisa qualitativa na Saúde Coletiva: (des)encontros método+lógicosPrática de chemsex entre homens que fazem sexo com homens (HSH) durante período de isolamento social por COVID-19: pesquisa online multicêntrica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

PRADO, Nilia Maria de Brito Lima et al. A resposta internacional da atenção primária em saúde à COVID-19: uma análise documental em países selecionados. Cad. Saúde Pública [online]. 2020, vol.36, n.12, e00183820.  Epub 20-Nov-2020. ISSN 1678-4464.  https://doi.org/10.1590/0102-311x00183820.

O estudo examina a organização da atenção primária em saúde (APS) na resposta à epidemia da COVID-19. É um estudo descritivo com base em análise documental das respostas nacionais à pandemia do novo coronavírus, com ênfase na APS. Em distintos países, houve diferentes formas de organização e impactos das estratégias, uma vez que realizaram ações de acordo com as características locais da transmissão da doença, demografia, organização dos serviços de saúde pública e capacidade e financiamento do sistema de saúde, principalmente na APS. Uma mudança significativa durante a pandemia tem sido o aumento nas consultas telefônicas e por videoconferência, incorporando a tecnologia de informação em saúde. Uma APS eficiente, orientada por ações essenciais, alcança resultados mais adequados. Além disso, a capacidade acumulada ou experiência de cada país faz a diferença ao enfrentar as demandas emergentes sobre diferentes sistemas de saúde.

Palavras-chave : Atenção Primária à Saúde; Infecções por Coronavírus; Política de Saúde; Sistemas de Saúde.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )