SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 número3Tolerância de Himatanthus sucuuba Wood. (Apocynaceae) ao alagamento na Amazônia Central índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Acta Botanica Brasilica

versão impressa ISSN 0102-3306

Resumo

NOGUEIRA, Ricardo Eustáquio et al. Fungos micorrízicos associados a orquídeas em campos rupestres na região do Quadrilátero Ferrífero, MG, Brasil. Acta Bot. Bras. [online]. 2005, vol.19, n.3, pp. 417-424. ISSN 0102-3306.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-33062005000300001.

Oito isolados de fungos micorrízicos rizoctonióides foram obtidos do sistema radicular de orquídeas neotropicais, a saber: Bulbophyllum weddelii (Lindl.) Rchb. f., Epidendrum dendrobioides Thunb., Maxillaria acicularis Herb. ex Lindl., Oncidium gracile Lindl., Pleurothallis teres Lindl., Prosthechea vespa (Vell.) W.E. Higgins, Sophronitis milleri (Blumensch. ex Pabst) C. Berg & M.W. Chase e Sarcoglottis sp., que ocorrem em campos rupestres da região do Quadrilátero Ferrífero, no Estado de Minas Gerais, Brasil. Três gêneros anamórficos foram identificados: Epulorhiza, isolados do sistema radicular de E. dendrobioides e S. milleri; Ceratorhiza, isolados de B. weddelii, O. gracile, P. teres e P. vespa e Rhizoctonia, isolados de M. acicularis e Sarcoglottis sp. O trabalho constitui-se no primeiro relato taxonômico e de caracterização morfológica de fungos micorrízicos rizoctonióides associados a espécies de orquídeas que ocorrem em campos rupestres no Brasil.

Palavras-chave : diversidade; fungos rizoctonióides; Orchidaceae; simbiose.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português