SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue1The maternal representations about a baby who is born with serious organic diseasesFactors associated with school performance: a multilevel study with data of SAEB/2001 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Teoria e Pesquisa

Print version ISSN 0102-3772

Abstract

RIBEIRO, Mylena Pinto Lima; ASSIS, Grauben de  and  ENUMO, Sônia Regina Fiorim. Comportamento matemático: relações ordinais e inferência transitiva em pré-escolares. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. 2007, vol.23, n.1, pp. 25-32. ISSN 0102-3772.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-37722007000100004.

Um repertório matemático elementar pode ser diretamente ensinado a pré-escolares em risco de dificuldades de aprendizagem. Nesta pesquisa, examinou-se o controle do comportamento por relações ordinais em 14 crianças (idade média: 5 anos e 1 mês) com baixo rendimento escolar numa escola municipal de Vitória. Inicialmente, os estudantes foram avaliados de modo individualizado, em seguida aplicou-se um procedimento de ensino informatizado para ensinar desempenhos ordinais e avaliou-se a ocorrência de desempenhos gerativos. Todas as crianças alcançaram o critério de ensino, estabelecendo-se o controle do comportamento por relações ordinais. Na avaliação da transferência de funções de estímulo 14 crianças ordenaram novas seqüências de estímulos com o procedimento informatizado e oito crianças com o procedimento não informatizado. Conclui-se que habilidades básicas para o aprendizado da matemática podem ser diretamente ensinadas, apesar das falhas no repertório inicial da criança.

Keywords : seqüências; comportamento matemático; relações ordinais; dificuldades de aprendizagem; pré-escolares.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese