SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número2Drogadição e atos infracionais na voz do adolescente em conflito com a leiMulheres (in)subordinadas: o empoderamento feminino e suas repercussões nas ocorrências de violência conjugal índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Psicologia: Teoria e Pesquisa

versão impressa ISSN 0102-3772

Resumo

GRANJEIRO, Ivonete Araújo Carvalho Lima  e  COSTA, Liana Fortunato. O estudo psicossocial forense como subsídio para a decisão judicial na situação de abuso sexual. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. 2008, vol.24, n.2, pp. 161-169. ISSN 0102-3772.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-37722008000200005.

Esta pesquisa teve como objetivo aprofundar os conhecimentos na interface Psicologia/Direito, envolvendo uma situação de violência intrafamiliar. Buscou-se conhecer as reflexões dos vários atores que participaram das decisões referentes a um processo sobre abuso sexual cometido pelo pai contra duas filhas crianças. O contexto foi uma Vara Criminal e o método o de estudo de caso. A análise dos resultados seguiu a orientação da Hermenêutica de Profundidade. Os resultados foram discutidos segundo três eixos de compreensão da função do estudo psicossocial forense: A quem serve? Quando deve ser realizado? E o que subsidia o processo judicial: o laudo ou o relatório? Concluímos que é necessário promover a interação entre os vários atores que complementam suas decisões, para que se possa ampliar a compreensão da realidade que cerca as situações de violência na família, e assim o contexto judicial participar na promoção da cidadania nesses casos.

Palavras-chave : psicologia clínica; psicologia jurídica; abuso sexual; estudo psicossocial forense.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português