SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número4Vivências de familiares de mulheres com câncer de mama: uma compreensão fenomenológicaEstratégias de coping de pacientes oncológicos em tratamento radioterápico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia: Teoria e Pesquisa

versão impressa ISSN 0102-3772

Resumo

CAL, Sílvia Fernanda Lima de Moura. Revisão da literatura sobre a eficácia da intervenção psicológica no tratamento do lúpus eritematoso sistêmico. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. 2011, vol.27, n.4, pp. 485-490. ISSN 0102-3772.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-37722011000400012.

Manifestações neuropsiquiátricas são comuns no lúpus eritematoso sistêmico (LES), especialmente depressão, ansiedade e psicose. O estresse psicológico e o uso de corticóide têm sido responsabilizados pelas manifestações psicopatológicas. Objetivou-se realizar revisão de literatura sobre a eficácia da intervenção psicológica no tratamento do LES, utilizando-se pesquisas em bases de dados, através dos descritores "psychotherapy" and "lupus", incluindo-se os ensaios clínicos randomizados e os estudos prospectivos. Foram encontrados seis artigos, sendo quatro ensaios clínicos randomizados e dois estudos prospectivos. Cinco artigos encontraram evidências de acentuada melhora nos pacientes que tinham acompanhamento psicológico e apenas um não encontrou tal evidência. Concluiu-se que a intervenção psicológica pode ser uma ferramenta importante no tratamento do LES.

Palavras-chave : lúpus eritematoso sistêmico; psicoterapia; doença autoimune.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português