SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número2Raiva, Stress Emocional e Hipertensão: Um Estudo ComparativoSentidos sobre a Amizade Entre Travestis: Construção de Repertórios Interpretativos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Psicologia: Teoria e Pesquisa

versão impressa ISSN 0102-3772versão On-line ISSN 1806-3446

Resumo

SOARES, Rhaisa Gontijo et al. Validação da Versão Brasileira da Escala ISMI Adaptada para Dependentes de Substâncias. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. 2015, vol.31, n.2, pp.229-238. ISSN 1806-3446.  https://doi.org/10.1590/0102-37722015021093229238.

Esse estudo teve como objetivo validar a escala Internalized Stigma of Mental Illness – ISMI adaptada para dependentes de substâncias psicoativas, no Brasil. A pesquisa foi conduzida com uma amostra de 299 dependentes de substâncias. O valor do alfa de Cronbach do escore total foi de 0,83 e o Coeficiente Spearman-Brown de 0,76. A validade de constructo, estimada pela Análise Fatorial Exploratória de Máxima Verossimilhança, demonstrou correlação estatisticamente significativa (p<0,01) entre a ISMI e as escalas CES-D (r=0,47), Escala de Esperança de Herth (r=-0,19) e Escala de Autoestima de Rosenberg (r=-0,48). A versão brasileira da ISMI demonstrou propriedades psicométricas satisfatórias e promete ser um instrumento útil para mensurar estigma internalizado entre dependentes de substâncias.

Palavras-chave : medidas; estigma; abuso de drogas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )