SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34Protocolo de Atendimento Psicológico em um Serviço de Reprodução Humana Assistida do Sistema Único de Saúde - SUS.Qualidade de Vida em Pacientes com Anorexia e Bulimia Nervosa índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Psicologia: Teoria e Pesquisa

versão impressa ISSN 0102-3772versão On-line ISSN 1806-3446

Resumo

ROMANINI, Moises  e  ROSO, Adriane. Usuários de Cocaína-Crack e Recepção de uma Campanha Televisiva Antidrogas. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. 2018, vol.34, e34410.  Epub 29-Nov-2018. ISSN 1806-3446.  https://doi.org/10.1590/0102.3772e34410.

O objetivo deste artigo é discutir como a recepção e a apropriação das formas simbólicas interferem no cotidiano das pessoas. Pretende-se mostrar algumas das representações sociais que usuários de cocaína-crack têm em relação às formas simbólicas presentes em uma campanha televisiva antidrogas. O campo de pesquisa foi em um Centro de Atenção Psicossocial - Álcool e Drogas (CAPS AD) localizado em uma cidade do interior do Brasil. Para colher informações, foram utilizadas diferentes estratégias: observação participante, diário de campo e grupos focais. Os resultados sugerem que o conteúdo da mídia modifica e é modificado pelo self do receptor e que a mídia de massa tem colaborado com a criação e manutenção de relações de dominação de diferentes ordens.

Palavras-chave : psicologia social; representações sociais; meios de comunicação; recepção; cocaína-crack.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )