SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 special issueThe responsibility of translating the un-translatable: Jacques Derrida and the desire for [la] translationThe exemplary relationship between author and proofreader (as well as other similar textual workers) and the myth of Babel: a few comments on the History of the Siege of Lisbon, by José Saramago author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


DELTA: Documentação de Estudos em Lingüística Teórica e Aplicada

Print version ISSN 0102-4450On-line version ISSN 1678-460X

Abstract

SELIGMANN-SILVA, Márcio. Do gênio da língua ao tradutor como gênio. DELTA [online]. 2003, vol.19, n.spe, pp.175-191. ISSN 0102-4450.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-44502003000300011.

O texto apresenta dois modelos da tradução que caracterizaram o século XVII e XVIII mas que podem ser vistos como paradigmáticos na Teoria da Tradução. 1) O modelo retórico que defende a possibilidade de tradução e enfatiza a adaptação do original ao "gosto" do público de chegada. 2) O modelo que afirma a impossibilidade da tradução, a intraduzibilidade: a) quer porque se valoriza no texto (e sobretudo na escrita dita poética) justamente os seus aspectos mais sensuais e, portanto, indissociáveis da língua de partida; b) quer porque se afirma o relativismo cultural e a intraduzibilidade entre as culturas; c) quer porque se afirma não apenas a impossibilidade de separação entre os significados e os significantes, mas se define o próprio significante e as identidades de um modo geral como sendo um resultado de um jogo diferencial.

Keywords : Belles infidèlles; Intraduzibilidade; Relativismo cultural; Gênio.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License