SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 issue4CAN VIRTUAL REALITY BE AS GOOD AS OPERATING ROOM TRAINING? EXPERIENCE FROM A RESIDENCY PROGRAM IN GENERAL SURGERYTHE ROLE OF SERUM CK-18, MMP-9 AND TIPM-1 LEVELS IN PREDICTING R0 RESECTION IN PATIENTS WITH GASTRIC CANCER author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


ABCD. Arquivos Brasileiros de Cirurgia Digestiva (São Paulo)

Print version ISSN 0102-6720On-line version ISSN 2317-6326

Abstract

SILVA, Carlos Eduardo da; REPKA, João Carlos Domingues; SOUZA, Carlos José Franco de  and  MATIAS, Jorge Eduardo Fouto. EFEITOS DA DISFUNÇÃO RENAL NA CICATRIZAÇÃO DE ANASTOMOSES COLÔNICAS: ESTUDO EXPERIMENTAL EM RATOS WISTAR. ABCD, arq. bras. cir. dig. [online]. 2018, vol.31, n.4, e1398.  Epub Dec 06, 2018. ISSN 2317-6326.  https://doi.org/10.1590/0102-672020180001e1398.

Racional:

A doença renal crônica atinge mais de 500 milhões de pessoas em todo o mundo. Neste contexto, as toxinas urêmicas estão relacionadas ao comprometimento da cicatrização tecidual.

Objetivo:

Avaliar, na cicatrização de anastomoses colônicas de ratos urêmicos indicadores séricos e anatomopatológicos que possam estar relacionados com alteração do processo de reparação tissular.

Métodos:

Utilizaram-se 20 ratos Wistar divididos aleatoriamente em dois grupos. No grupo simulação eles foram submetidos à simulação da nefrectomia 5/6 do rim esquerdo, simulação de nefrectomia total do rim direito, laparotomia mediana, colotomia e colorrafia. No grupo uremia, eles foram submetidos à nefrectomia 5/6 do rim esquerdo, nefrectomia total do rim direito, laparotomia mediana, colotomia e colorrafia. Coletaram-se amostras de sangue para dosagens séricas da ureia, creatinina e proteína C reativa, e do cólon para processamentos histológicos e histoquímicos na avaliação do tecido de granulação, maturação de colágeno, densidade microvascular e de miofibroblastos, viabilidade celular cicatricial. Empregou-se a histometria computadorizada para as avaliações de colágenos tipos I e III, densidade microvascular pela marcação com anticorpo monoclonal anti-CD34, viabilidade celular pela pesquisa do antígeno nuclear de proliferação celular e a densidade de miofibroblastos com anticorpo monoclonal anti-α-actina.

Resultados:

O grupo submetido à nefrectomia 5/6, em comparação ao grupo simulação, demonstraram aumentos da ureia sérica (p<0,0000) e proteína C reativa (p=0,0142), redução da formação de tecido de granulação (reepitelização de bordas p=0,0196, proliferação angiofibroblástica p=0,0379), porcentagens de colágeno I (p=0,0009) e colágeno III (p=0,016), densidade microvascular (p=0,0074) e miofibroblastos (p<0,0001) e antígeno nuclear de proliferação celular (p<0,0000).

Conclusão:

A uremia induzida pelo modelo de nefrectomia 5/6 determina impacto negativo no processo de cicatrização colônico.

Keywords : Nefrectomia; Uremia; Cicatrização; Cólon; Ratos Wistar.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )