SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 número36A anomalia democrática: adolescência e romantismo na história políticaO DECLÍNIO DAS TAXAS DE SINDICALIZAÇÃO: A DÉCADA DE 80 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências Sociais

versão impressa ISSN 0102-6909versão On-line ISSN 1806-9053

Resumo

STARK, David  e  BRUSZT, Laszlo. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 1998, vol.13, n.36, pp.-. ISSN 0102-6909.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-69091998000100002.

O artigo apresenta uma análise das condições políticas e institucionais que explicam a produção de reformas econômicas coerentes e estáveis em países do Leste Europeu, ou seja, em sociedades que experimentam uma transição política simultaneamente à mudança nas formas de propriedade. Ao analisar os casos históricos da Alemanha, Hungria e República Tcheca, os autores sustentam que, ao contrário do que considera a maior parte da literatura, situações institucionais e políticas que estabelecem limites à autonomia de poder dos ocupantes de postos executivos tendem a produzir reformas coerentes e estáveis. Situações históricas em que o executivo se encontra livre de constrangimentos, ao contrário, produzem políticas menos coerentes e mais sujeitas a mudanças. Os autores contribuem também para a construção de um quadro teórico e conceitual sobre a implementação de políticas públicas mediante a introdução do conceito de responsabilidade política estendida.

Palavras-chave : Instituições políticas; Constrangimentos institucionais; Políticas de reforma; Leste Europeu; Pós-socialismo.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons