SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue78Speaking of fear: convergences between the cities of Porto and Rio de JaneiroThe pastoral project of Edir Macedo: une église bénévolente pour des individus ambitieux? author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ciências Sociais

Print version ISSN 0102-6909

Abstract

MEDINA, Gabriel. Governança local para manejo florestal na Amazônia. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2012, vol.27, n.78, pp. 67-79. ISSN 0102-6909.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-69092012000100005.

Comunidades da Amazônia podem se beneficiar do uso de seus recursos florestais ao estabelecer sistemas de gestão comunitária de acordo com seus interesses e capacidades. Para isso, no entanto, as comunidades enfrentam três desafios principais: desenvolver os sistemas, implementá- los e conseguir seu reconhecimento pela sociedade. Esse estudo realizado na Amazônia boliviana, brasileira e peruana revelou que sistemas comunitários de gestão florestal existentes na Amazônia surgiram a partir tentativas das comunidades de restringir o acesso de atores externos a recursos de interesse local. Relações conflituosas com atores externos levaram à mobilização e à organização das comunidades. Alianças com parceiros influentes, como organizações ambientalistas, ofereceram às comunidades condições de barganhar para ter seus sistemas reconhecidos. Os resultados sugerem que relações autônomas (em contraste com paternalistas) com atores externos são fundamentais para o desenvolvimento local.

Keywords : Sistemas comunitários de gestão florestal; Fronteira amazônica; Movimentos sociais; Desenvolvimento endógeno.

        · abstract in English | French     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese