SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número85Visões civis sobre o submarino nuclear brasileiroAbordagens teóricas sobre o associativismo e seus efeitos democráticos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências Sociais

versão impressa ISSN 0102-6909

Resumo

LIFSCHITZ, Javier Alejandro. Os agenciamentos da memória política na américa latina. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2014, vol.29, n.85, pp.145-158. ISSN 0102-6909.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-69092014000200010.

O artigo trata a constituição do campo da memória política. Discute inicialmente a perspectiva de Halbwachs sobre a memória social e aborda, a partir de autores como Bordieu e Habermas, a ideia de um campo da memória política. Identifica dois momentos de inflexão na constituição desse campo. O primeiro, representado por autores como Nora e Anderson, em que a memória política se inscreve nos processos estatais de construção de uma memória nacional. O segundo momento, tem como referência principal o contexto pós-ditatorial na América Latina, e discute-se a autonomização desse campo a partir de temas como os agentes da memória, suportes de memória e conflitos de memória.

Palavras-chave : Memória política; memória e campo social; memória política na América Latina.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons