SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número87Ação e experiência nos esportes coletivosA classificação disciplinar no mercado dos enunciados ambientais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências Sociais

versão impressa ISSN 0102-6909

Resumo

CAMARGO, Alexandre de Paiva Rio. Dimensões da nação: uma análise do discurso estatístico da diretoria geral de estatística (1872-1930). Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2015, vol.30, n.87, pp.79-97. ISSN 0102-6909.  http://dx.doi.org/10.17666/308779-95/2015.

O artigo analisa as variações no discurso estatístico produzido pela Diretoria Geral de Estatística, entre a crise do Império e a Revolução de 1930. Assume como hipótese que a transformação da concepção de população, no bojo do movimento nacionalista dos anos de 1910 e 1920, trouxe novas possibilidades de uso inferencial dos dados oficiais, alçando a estatística a uma dimensão mais normativa. Para tanto, recorre aos censos gerais, ao anuário estatístico, às obras comemorativas e aos artigos de imprensa, com o fim de mapear os deslocamentos no padrão de codificação e apresentação das informações demográficas, especialmente as de instrução, saúde e estrutura ocupacional, que encarnam a noção de social daquele período. Baseando-se nas contribuições foucaultianas sobre a governamentalidade e na historiografia da estatística, tem por objetivo geral chamar atenção para uma abordagem genealógica da população e, por objetivo específico, revelar a importância dos estudos sociais da estatística na renovação de nossa compreensão sobre a Primeira República.

Palavras-chave : Construção do Estado; Questão nacional; Sociologia histórica da estatística.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )