SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número89A intertextualidade e sua teia: da etnografia ao romance e do romance ao filmeThe configuration of the new social movements in face of the social crisis índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências Sociais

versão impressa ISSN 0102-6909versão On-line ISSN 1806-9053

Resumo

PICCIN, Marcos Botton. Cálculo econômico e mobilidades sociais cruzadas em terras gaúchas: estudo sobre mudança da morfologia do patronato rural*. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2015, vol.30, n.89, pp.147-158. ISSN 0102-6909.  http://dx.doi.org/10.17666/3089147-158/2015.

Este artigo analisa as alterações que se processam no espaço estancieiro do Rio Grande do Sul a partir da década de 1990, em que os agentes dominantes veem suas posições ameaçadas. Os estancieiros, grandes proprietários de terra, criadores de gado extensivo, se enfraquecem econômica e politicamente com a desregulamentação dos mercados, o fim das políticas de proteção setorial e o processo de redemocratização do país. Abala-se a hierarquia, a honra e o reconhecimento neste espaço social, em que passa a haver agentes que se tornam tão ou mais poderosos do que eles. Mas se as trajetórias exitosas socialmente como senhores de terra são colocadas em questão, também o são os cálculos de comportamento econômico desses grandes proprietários e das formas de pensar e se pensar no espaço social.

Palavras-chave : Rio Grande do Sul; Patronato rural; Estancieiros; Cálculo econômico; Elites rurais.

        · resumo em Inglês | Francês     · texto em Português     · Português ( pdf )