SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número96ALEXIS DE TOCQUEVILLE E O LIBERALISMO FRANCÊS: CONTINUIDADES E RUPTURAS SOBRE O CONCEITO DE DEMOCRACIACASA GRANDE & SENZALA A questão racial e o “colonialismo esclarecido” na França do Pós-Segunda Guerra Mundial índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciências Sociais

versão On-line ISSN 1806-9053

Resumo

GADEA, Carlos A.. O ESTADO E A ESQUERDA POLÍTICA NO URUGUAI: A RECUPERAÇÃO DA “MATRIZ INSTITUCIONAL”. Rev. bras. Ci. Soc. [online]. 2018, vol.33, n.96, e339606.  Epub 07-Dez-2017. ISSN 1806-9053.  http://dx.doi.org/10.17666/339606/2018.

A esquerda política uruguaia, materializada na atual Frente Ampla, tem-se constituído em um espaço político indispensável para a recuperação da “matriz institucional” histórica do país. Partindo dessa consideração, é possível compreender a Frente como um espaço político que tem dado continuidade aos principais esforços de modernização econômica e construção do Estado desenvolvidos no país pelo histórico Partido Colorado desde inicios do século XX. Esta parece ser a sua contribuição mais destacada ao processo de redemocratização política do país, logo após dos governos cívico-militares nos anos 70 e 80 do século XX. O que aqui se apresenta pretende dar resposta a uma interrogação algo tímida entre a atual cidadania uruguaia: pode se entender a atual Frente Ampla como sendo o Partido Colorado do século XXI?

Palavras-chave : Estado; Esquerda política; Institucionalidade; Uruguai.

        · resumo em Espanhol | Inglês | Francês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf epdf )