SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue3A proposal for the quality control of Tanacetum parthenium (feverfew) and its hydroalcoholic extractChemical variability of the essential oil of the leaves from six individuals of Duguetia furfuracea (Annonaceae) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Farmacognosia

Print version ISSN 0102-695XOn-line version ISSN 1981-528X

Abstract

PINTO, Danielle S. et al. Metabólitos secundários isolados de Richardia brasiliensis Gomes (Rubiaceae). Rev. bras. farmacogn. [online]. 2008, vol.18, n.3, pp.367-372. ISSN 0102-695X.  https://doi.org/10.1590/S0102-695X2008000300010.

A família Rubiaceae compreende cerca de 637 gêneros e aproximadamente 10700 espécies, ocorrendo essencialmente nas regiões tropicais do Brasil. Richardia brasiliensis Gomes, popularmente conhecida por "poaia branca", é uma planta nativa da região sul do Brasil, utilizada na medicina popular como anti-emética e no tratamento de diabetes. Este trabalho reporta o isolamento e identificação estrutural de um flavonóide glicosilado, um triterpeno, uma cumarina e dois derivados de ácido benzóico, objetivando contribuir para quimiotaxonomia do gênero Richardia. Através deste estudo foi possível isolar e identificar os metabólitos isorametina-3-O-rutinosídeo, ácido oleanólico, a cumarina escopoletina e os ácidos p-hidroxi-benzóico e m-metoxi-p-hidroxi-benzóico, todos isolados pela primeira vez no gênero, exceto o último, apresentando, portanto, relevante importância quimiotaxonômica para o mesmo. As estruturas foram identificadas com o uso de técnicas espectroscópicas de IV, RMN 1H e 13C uni e bidimensionais e comparação com dados da literatura.

Keywords : Rubiaceae; Richardia brasiliensis; isorametina-3-O-rutinosídeo; ácido oleanólico; escopoletina.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License