SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 número2BEvaluation of mutagenic effect of crude hydroalchoolic extract, using in vivo alive bioassays and phytochemical screening of Cecropia glaziovii Sneth (embaúba), CecropiaceaeReview of Maytenus ilicifolia Mart. ex Reissek, Celastraceae. Contribution to the studies of pharmacological properties índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista Brasileira de Farmacognosia

versión impresa ISSN 0102-695X

Resumen

OLIVEIRA, Denys Paixão Costa de; BORRAS, Maria Rosa Lozano; FERREIRA, Luis Carlos de Lima  y  LOPEZ-LOZANO, Jorge Luis. Atividade antiinflamatória do extrato aquoso de Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl.) B. Verl. sobre o edema induzido por venenos de serpentes amazônicas. Rev. bras. farmacogn. [online]. 2009, vol.19, n.2b, pp. 643-649. ISSN 0102-695X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-695X2009000400024.

O estudo investigou o efeito antiinflamatório do extrato aquoso da Arrabidaea chica (Humb. & Bonpl.) B. Verl., Bignoniaceae, popularmente conhecida como "crajiru", sobre o edema induzido por venenos de serpentes amazônicas dos gêneros Brothrops e Crotalus, em camundongos albinos, por via oral, intraperitoneal e subcutânea. O efeito anti-edematogênico foi avaliado pela medição do diâmetro dos coxins das patas posteriores, sendo medidos as 1, 3, 6, 12 e 24 horas, para B. atrox e 1, 3 e 6 horas para Crotalus durissus ruruima, e também avaliado por histopatologia. O estudo mostrou que o efeito inibitório do extrato aquoso para o gênero Bothrops, pelas vias subcutânea e intraperitoneal (12 horas) foi de 55,87% e 65,70%, respectivamente. Para o gênero Crotalus o efeito inibitório do extrato pela via subcutânea após 3 horas foi de 33,55% e após 6 horas de 79,81%. Pela via intraperitoneal após 3 horas foi de 48,02% e após 6 horas de 92,52%. Na análise histopatológica, o infiltrado de granulócitos e a miocitólise foram os efeitos inflamatórios inibidos mais significativamente. Os resultados sugerem a presença no extrato aquoso de A. chica de substâncias com atividade inibitória sobre os efeitos inflamatórios dos venenos das serpentes Bothrops atrox e Crotalus durissus ruruima.

Palabras llave : Arrabidaea chica; Bignoniaceae; plantas medicinais; venenos; serpentes; atividade antiinflamatória.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués