SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número especialPsicologia e Políticas Públicas em HIV/AIDS: algumas reflexõesO cotidiano institucional do Método Mãe Canguru na perspectiva dos profissionais de saúde índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Psicologia & Sociedade

versão impressa ISSN 0102-7182

Resumo

GRANATO, Tania Mara Marques; TACHIBANA, Miriam  e  AIELLO-VAISBERG, Tânia Maria José. Narrativas interativas na investigação do imaginário coletivo de enfermeiras obstétricas sobre o cuidado materno. Psicol. Soc. [online]. 2011, vol.23, n.spe, pp. 81-89. ISSN 0102-7182.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-71822011000400011.

A partir de nossa experiência clínica com gestantes e mães, interrogamo-nos sobre  a possibilidade de que parte do sofrimento materno pudesse estar associado à falta ou insuficiência de suporte familiar e social. Intrigadas com o lugar que a maternidade ocupa hoje em nossa sociedade, propusemo-nos a investigar o imaginário coletivo de enfermeiras obstétricas sobre o cuidado materno, tendo em vista sua função moduladora de relações  sociais e profissionais. Solicitamos a 14 enfermeiras que completassem individualmente uma história materna fictícia, especialmente elaborada para este estudo, produzindo-se uma narrativa interativa. A abordagem psicanalítica das narrativas revela uma profunda dicotomia entre o ideal materno e a vivência concreta da maternidade. Imagens socialmente produzidas, como a idealização da figura materna e a fascinação pelo bebê recém-nascido distanciam tais profissionais da integração dos próprios sentimentos ambivalentes em relação à maternidade, contrastando com o cuidado sensível e ético da dupla mãe-bebê.

Palavras-chave : narrativas; maternidade; imaginário coletivo; psicanálise; enfermagem.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português