SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue3Transatrial endocardial pacemaker implantation associated to open heart surgery with cardiopulmonary bypass author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular

Print version ISSN 0102-7638

Abstract

ASSAD, Renato S et al. Bloqueio AV total congênito: novo modelo experimental para avaliação do marcapasso fetal. Rev Bras Cir Cardiovasc [online]. 1994, vol.9, n.3, pp. 133-140. ISSN 0102-7638.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-76381994000300001.

O implante de marcapasso epicárdíco em fetos via toracotomia é um procedimento potencialmente mais seguro e eficaz para se tratar o bloqueio AV total congênito (BAVT), quando associado à hidropsia fetal e refratário ao tratamento clínico. Este estudo foi desenvolvido com o objetivo de avaliar as características eletrofisiológicas de dois eletrodos epicárdicos através de novo modelo experimental de BAVT congênito induzido pela crioablação do nó AV. Foram aplicados, em 2 grupos de 6 fetos de ovelhas (80% da gestação), um eletrodo de rosqueamento (1,5 voltas) e outro de sutura epicárdica. O BAVT foi obtido em todos os fetos, não sendo observado nenhum ritmo de escape ventricular. Os limiares de estimulação foram baixos para ambos os eletrodos, com valores inferiores para o eletrodo de rosqueamento com largura de pulso abaixo de 0,9 mseg (p < 0,03). A corrente medida no limiar de voltagem com largura de pulso abaixo de 0,5 mseg foi menor para o eletrodo de rosqueamento (p < 0,048). A resistência dos 2 eletrodos medida com voltagem constante não foi estatisticamente diferente (441,8 ± 13,7 Ω para o eletrodo de rosqueamento versus 480,2 ± 59,2 Ω para o eletrodo de sutura epicárdica). Não houve diferença estatisticamente significante (p > 0,20) na amplitude da onda R dos 2 eletrodos. O slew rate foi significativamente maior para o grupo de fetos com eletrodo de rosqueamento (1,40 ± 0,2 versus 0,62 ± 0,2 V/seg. p=0,04). O método é simples e reprodutível para avaliação do marcapasso fetal, sendo que o eletrodo de rosqueamento representa a melhor opção, quando houver indicação de implante de marcapasso em fetos.

Keywords : cardiologia fetal; bloqueio AV, congênito; cirurgia fetal; arritmias fetais; marcapasso fetal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese