SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue3Reconstruction of the pulmonary artery in Jatene's operationExtracorporeal circulation with venous-arterial shunt and low oxygen partial pressure author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Brazilian Journal of Cardiovascular Surgery

Print version ISSN 0102-7638On-line version ISSN 1678-9741

Abstract

LIMA, Marco Aurélio Vilela Borges et al. Fibrilação atrial e flutter após operação de revascularização do miocárdio: fatores de risco e resultados. Rev Bras Cir Cardiovasc [online]. 2001, vol.16, n.3, pp.244-250. ISSN 0102-7638.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-76382001000300009.

OBJETIVO: Determinar a incidência de fibrilação atrial e flutter (FAF) no pós-operatório de revascularização do miocárdio (RM), bem como os fatores preditivos e a influência destas arritmias sobre o período de internação hospitalar. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram analisados 275 pacientes submetidos à operação de revascularização do miocárdio isolada ou associada à correção de aneurisma de ventrículo esquerdo. A idade variou de 26 a 83 anos, com média de idade de 58,7 ± 9,5 anos. Cento e noventa e seis pacientes (71,3%) eram do sexo masculino. RESULTADOS: A incidência total de fibrilação atrial e flutter pós-operatórios foi 16,4% com pico de incidência ocorrendo no segundo e terceiro dia de pós-operatório. Idade avançada, sexo masculino e história de fibrilação atrial ou flutter no pré-operatório foram identificados como fatores preditivos independentes de fibrilação atrial ou flutter no pós-operatório. Os pacientes que apresentaram FA ou flutter no pós-operatório em média 36 horas a mais na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 4,8 dias a mais hospitalizados. CONCLUSÃO: A FA e flutter são arritmias comuns no pós-operatório de revascularização do miocárdio, tendo efeito significativo sobre os tempos de permanência na UTI e de internação hospitalar.

Keywords : Fibrilação atrial [epidemiologia]; Flutter atrial [epidemiologia]; Revascularização miocárdica [efeitos adversos]; Fibulação atrial [fatores de risco]; Flulter atrial [fatores de risco]; Revascularização miocárdica [fatores de risco].

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License