SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue2A theorectical-methodological perspective for the analysis of humam development and the research processThe sociocultural and historical context of developmental studies author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972On-line version ISSN 1678-7153

Abstract

MORO, Maria Lucia Faria. A epistemologia genética e a interação social de crianças. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2000, vol.13, n.2, pp.295-310. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722000000200009.

O artigo apresenta um estudo de caso sobre as relações da interação social de crianças com suas construções cognitivas individuais de aprendizagem da adição/subtração, segundo proposições da epistemologia genética. Os resultados vêm da análise qualitativa microgenética da seqüência completa, gravada em vídeo, dos eventos referentes às inter-relações: a) das estratégias cognitivas expressas por três meninos que, juntos, resolveram tarefas relativas ao conteúdo aritmético citado; b) daquelas estratégias com as intervenções do adulto. Os sujeitos (idades de 7,4; 8,6; e 9,1) eram alunos de primeira série de uma escola pública. Os resultados apoiam parcialmente hipóteses sobre um modelo cíclico complexo de inter-relações das realizações dos parceiros e destas com as intervenções do adulto. O modelo piagetiano da equilibração explica a complexidade das interações sociais discutidas, em suas relações necessárias mas não suficientes com as construções cognitivas individuais.

Keywords : Processo de equilibração; interações sociais de crianças; aprendizagem em pequenos grupos.

        · abstract in English     · text in Portuguese

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License