SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue3Differential maternal attitudes toward four- and five-year-old boys and girlsDominos as an interactive context for the construction of knowledge by preschool children author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

KASTRUP, Virgínia. O devir-criança e a cognição contemporânea. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2000, vol.13, n.3, pp. 373-382. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722000000300006.

O texto compara duas concepções acerca das transformações temporais da cognição - aquela das teorias do desenvolvimento, entendida sob o signo da convergência e do fechamento, e aquela baseada nas idéias de Bergson, Deleuze e Guattari, pautada nas idéias de divergência e de diferenciação. Nas teorias do desenvolvimento cognitivo é destacado o conceito de tempo cronológico, o regime de filiação das estruturas e a idéia do ultrapassamento da forma de conhecimento da criança pela do adulto. A partir da concepção bergsoniana de coexistência dos tempos, é trabalhado o conceito de devir-criança de G. Deleuze e F. Guattari, que afirma a tendência inventiva que resta presente enquanto virtualidade em toda formação cognitiva, adulta ou infantil, e caracteriza a cognição contemporânea.

Keywords : Devir-criança; desenvolvimento cognitivo; contemporâneo.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese