SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue1Shame and its relationships with morality author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

OLIVEIRA, Ebenézer A. de et al. Estilos parentais autoritário e democrático-recíproco intergeracionais, conflito conjugal e comportamentos de externalização e internalização. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2002, vol.15, n.1, pp. 1-11. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722002000100002.

Modelos mediativos de risco e proteção foram testados, para prever longitudinalmente comportamentos de externalização e internalização infantis, a partir de uma atitude conjugal conflituosa e de estilos parentais intergeracionais autoritário vs. democrático-recíproco. Proveniente de duas escolas particulares e uma pública, a amostra contou com 25 meninas e 25 meninos de 4 e 5 anos, e suas respectivas mães. Correlações bivariadas de Pearson e regressões múltiplas indicaram a presença de transmissão intergeracional do estilo autoritário, mas não do democrático-recíproco, mediada por uma atitude conjugal conflituosa. O estilo autoritário materno previu tanto externalização como internalização, enquanto a atitude conjugal conflituosa previu apenas externalização. Embora significativo, o modelo aditivo não gerou efeitos longitudinais significativos de cada fator sobre externalização. Mas, ao se levar em conta a relação entre o estilo autoritário e a atitude conjugal conflituosa, efeitos principais foram encontrados para ambos os fatores. A obtenção de resultados significativos apenas no modelo de risco é considerada sob os pontos de vista teórico e metodológico.

Keywords : Mediação; risco; proteção; estilos parentais; transmissão intergeracional.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese