SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue3Self-concept and learning disabilities of writingSocial representations, human rights involvement and political ideology in university students of João Pessoa author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

CAMPOS, Pedro Humberto Faria  and  ROUQUETTE, Michel-Louis. Abordagem estrutural e componente afetivo das representações sociais. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2003, vol.16, n.3, pp. 435-445. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722003000300003.

A "Abordagem Estrutural" das representações sociais define uma representação social como uma organização, que é atravessada por diferentes dimensões e não como um conjunto de eventos e processos puramente cognitivos. No estado atual da teoria, propomos o princípio que a dimensão afetiva observa uma relação "não-aleatória" com o núcleo central. Dois estudos anteriores são brevemente descritos, assim como os resultados acerca de três representações, ("menino de rua", "estudos superiores"e "família"), com o intuito de apresentar uma perspectiva de estudo que parece indicar que as relações entre elementos "semânticos" e "afetivamente carregados" não são aleatórias. Os dados corroboram a tese de que o Núcleo Central das representações organiza igualmente a distribuição das cargas afetivas no conjunto da representação social. As pesquisas, aqui apresentadas, correspondem a uma primeira aproximação exploratória das relações existentes entre a estrutura e a impregnação afetiva dos elementos de uma representação.

Keywords : Representações sociais; abordagem estrutural; cargas afetivas; núcleo central.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese