SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue3The transcultural aspect of vocational maturity in Donald Super TheoryApproaching transdisciplinarity: some historical lines, foundations and applied principles to team work author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

TORRES, Wilma da Costa. A Bioética e a psicologia da saúde: reflexões sobre questões de vida e morte. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2003, vol.16, n.3, pp. 475-482. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722003000300006.

O presente trabalho focaliza os fatores impulsionadores do surgimento da Bioética, destacando: a) a revolução científica e tecnológica, e b) a revolução social dos anos 1960. Descreve o desenvolvimento histórico da Bioética desde sua definição inicial como ciência da sobrevivência humana até seu estágio atual - o da Bioética Global, e suas fronteiras com os vários campos do saber. A psicologia da saúde integra esse contexto multidisciplinar principalmente por sua reflexão sobre temas desafiadores da Bioética, entre os quais são aqui discutidos aqueles decorrentes da medicina intensiva (eutanásia e distanásia) e aqueles derivados da medicina substitutiva (transplantes). Questões básicas como definição de morte, consentimento livre e informado são analisadas como ainda polêmicas e controvertidas. Conclui-se com as indagações sobre as quimeras da ciência para triunfar sobre a doença e os problemas da ordem canibal que se espera diminuam na medida em que as terapêuticas etiológicas e fisiológicas progridam

Keywords : Bioética; psicologia da saúde; questões desafiadoras.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese