SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue1Modularity of action programs in normal and Down syndrome individualsCognitive assisted assessment: strategies of constraint-seeking information questions in problems' resolution author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

SISTO, Fermino Fernandes; MARIN RUEDA, Fabián Javier  and  BARTHOLOMEU, Daniel. Estudo sobre a unidimensionalidade do teste Matrizes Progressivas Coloridas de Raven. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2006, vol.19, n.1, pp. 66-73. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722006000100010.

Este estudo avaliou o ajuste do modelo Rasch quanto à unidimensionalidade das Matrizes Progressivas Coloridas de Raven. Foram estudadas 441 crianças de ambos os sexos, de 1ª a 4ª série do ensino fundamental. Para avaliar a possibilidade de violação, optou-se pela análise de componentes principais de resíduos, pois eles podem ser suficientes para violar a unidimensionalidade intrínseca dos itens. Foram selecionados os itens de maior saturação em relação à dimensão positiva e negativa do primeiro fator, em relação ao teste como um todo e a cada série em particular. Esses itens foram novamente analisados pelo modelo de Rasch, separadamente, e correlacionadas as pontuações do fator positivo com o negativo. Os resultados sugeriram que o instrumento como um todo e a série B possibilitam a interpretação da existência de outra dimensão além da extraída pelo modelo de Rasch e nas outras duas séries as correlações estiveram próximas do ponto de rejeição.

Keywords : Modelo Rasch; unidimensionalidade; teste Raven.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese