SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue3Mothers' beliefs and practices about child development in rural and urban contextsEffects of stimuli organization on identity matching-to-sample performances of persons with autism author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

CHERUBINI, Zuleika Ana; BOSA, Cleonice Alves  and  BANDEIRA, Denise Ruschel. Estresse e autoconceito em pais e mães de crianças com a síndrome do X-frágil. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2008, vol.21, n.3, pp. 409-417. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722008000300009.

A síndrome do x-frágil é a principal causa de deficiência mental herdada, suplantada apenas pela síndrome de Down, sendo a mulher a principal transmissora. Indivíduos com a síndrome do X-frágil apresentam um conjunto de características que pode causar um impacto no sistema familiar. Este estudo investiga o estresse e o autoconceito em 15 pais e mães de meninos com a síndrome do X-frágil, 15 de meninos com Síndrome de Down e 15 de meninos com desenvolvimento típico, baseado no modelo biopsicossocial de Bradford. Os resultados revelaram uma diferença significativa no autoconceito (self pessoal) entre as mães de crianças com a Síndrome do X-frágil e as mães de crianças com desenvolvimento típico, mas não entre aquelas e o grupo S. de Down, sugerindo que o fator da transmissão por si só não explica as diferenças no autoconceito. Não houve diferença entre os grupos na medida de estresse.

Keywords : Síndrome do X-Frágil; Síndrome de Down; estresse parental; autoconceito; apoio social.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese