SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue2Development, psychopathology and attachment: an exploratory study with institutionalized children and their caregiversChalenges of ethnograpy with street children: access author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Reflexão e Crítica

Print version ISSN 0102-7972

Abstract

LIBORIO, Renata Maria Coimbra  and  UNGAR, Michael. Trabalho infantil como um caminho em direção à resiliência marcado por riscos: o crescimento de crianças e adolescentes em contextos pobres em recursos. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 2010, vol.23, n.2, pp. 232-242. ISSN 0102-7972.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-79722010000200005.

Nesse artigo, analisamos a questão do trabalho infantil como um fenômeno complexo, englobando fatores de risco por um lado e possíveis resultados positivos por outro. Baseados na teoria da resiliência e a partir de uma revisão de literatura, centrada em pesquisas que analisam a própria experiência de crianças sobre o trabalho desenvolvido, mostramos que quando inseridos em ecologias socialmente e fisicamente pobres em recursos, crianças associam sua experiência de trabalho como um caminho para assegurar recursos próprios para superação de adversidades. A compreensão de aspectos subjetivos da experiência de crianças trabalhadores nos permite considerar o trabalho como uma construção culturalmente embasada. Apesar da exploração de crianças não se configurar como o melhor para elas, há evidências de que elas usam quaisquer oportunidades disponíveis, incluindo o trabalho, para navegar em busca de recursos que necessitam e negociam por uma identidade associada à resiliência. Implicações para políticas públicas e intervenções também são discutidas.

Keywords : Crianças e Adolescentes; Trabalho; Resiliência.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English