SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue1Hegemony and imperialism: characterizations of the capitalist world order after the Second World WarAporia and trauma in the crisis of meanings of 9/11 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Contexto Internacional

Print version ISSN 0102-8529

Abstract

MENDES, Cristiano Garcia. Os discursos de Tony Blair: o conceito de terrorismo e as instabilidades de suas estruturas. Contexto int. [online]. 2010, vol.32, n.1, pp. 179-204. ISSN 0102-8529.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-85292010000100006.

O presente trabalho estuda as estratégias discursivas relativas ao conceito de terrorismo utilizadas pelo ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair, a partir da abordagem pós-estruturalista de Derrida. Os ataques de 11 de setembro de 2001 aos Estados Unidos foram tomados como referência para analisar como a questão do terrorismo é deslocada de uma posição periférica da agenda discursiva do ex-primeiro-ministro para o centro de suas narrativas após esta data. Ao mesmo tempo em que a referência ao terrorismo ganha centralidade, instabilidades também são geradas em virtude da maior utilização do termo. No caso específico de Tony Blair, o autor dos discursos opta por reconhecer estas instabilidades e tenta relativizá-las a partir de uma contextualização e descrição das especificidades do fenômeno terrorista.

Keywords : Terrorismo; Tony Blair; IRA; Derrida.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese