SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue6Effect of proximal terminal colostomy on the healing of colonic anastomosis in ratsEficcacy study of labrum direct fixation on the glenoid in Bankart lesion produced in laboratory and sumitted to osteoarticular shcaring stress author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Acta Cirurgica Brasileira

On-line version ISSN 1678-2674

Abstract

INOUYE, Celso Massaschi et al. Estudo morfológico da articulação do joelho de coelhos após a reparação de um defeito osteocondral. Acta Cir. Bras. [online]. 2002, vol.17, n.6, pp. 403-409. ISSN 1678-2674.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502002000600009.

OBJETIVO: Com a finalidade de estudar a morfologia da articulação do joelho de coelhos após a reparação de um defeito osteocondral padronizado com fio de sutura polidioxanone, procedeu-se a criação de um defeito osteocondral em côndilo femoral medial do joelho de 80 coelhos, albinos, machos, com idade entre 5 a 8 meses e peso entre 2.600 e 3.000g. MÉTODOS: Os animais foram distribuídos em 2 grupos com seguimentos de 7 e 42 dias e submetidos à técnica A (ressecção e retirada do fragmento osteocondral; recolocação e síntese de fio PDX-00), técnica B (ressecção e retirada do fragmento osteocondral; reposição como enxerto autólogo no joelho contralateral, após rotação de 180º no sentido ântero-posterior; síntese com fio PDX-00) ou técnica C (ressecção e retirada do fragmento osteocondral deixando o defeito padrão vazio, nos joelhos contralaterais aos operados pela técnica A ou B) como controle. RESULTADOS: Fez-se estudo clínico, radiográfico, macroscópico e histológico nos dois grupos mostrando que a recolocação do fragmento ou enxerto autólogo osteocondral facilita a perfeita integração dos fragmentos aos côndilos femorais, sem deslocamento ou necrose cartilaginosa ou óssea; que nos joelhos submetidos a ressecção simples do fragmento com seguimento de 42 dias, não houve formação de cartilagem na superfície articular, havendo predisposição à formação de osteofitos, mostrando relação significante entre a técnica C e a presença de osteofitos. CONCLUSÃO: Concluiu-se que a reconstituição da superfície articular com recolocação do fragmento ou o enxerto autólogo osteocondral fixado com fio de sutura PDX é exeqüível e apresentou melhor resultado do que a ressecção simples do fragmento.

Keywords : Polidioxanone; Fratura osteocondral; Coelho.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese