SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue1The experimental basis of hepatic ischemia-reperfusion injury: reviewOxidative stress and total antioxidant status in ischemic skin flaps in rats author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Cirúrgica Brasileira

Print version ISSN 0102-8650On-line version ISSN 1678-2674

Abstract

CRUZ, Ana Katarina Menezes da et al. Estudo comparativo entre os efeitos do ácido hialurônico e do galactano acídico purificado dos ovos do molusco Pomacea sp na cicatrização de feridas. Acta Cir. Bras. [online]. 2004, vol.19, n.1, pp.13-17. ISSN 1678-2674.  https://doi.org/10.1590/S0102-86502004000100002.

OBJETIVO: Comparar o efeito de ácido hialurônico (AH) e do GA na cicatrização de feridas intestinais. MÉTODOS: O extrato semipurificado dos ovos do molusco foi obtido por fracionamento com sulfato de amônio e purificação por cromatografia de troca-iônica. Os galactanos obtidos foram eluídos em água (galactano neutro) e em 0.1 e 0.2M NaCl (galactanos acídicos). O estudo em vivo foi executado com 45 ratos Wistar, separados em três grupos (n=15). Soluções contendo AH 1%, GA 1% ou solução salina 0,9%, foram aplicadas topicamente nas suturas das feridas longitudinais localizadas no intestino delgado dos ratos. Depois de 05, 10 e 21 dias os animais foram sacrificados e biópsias dos tecidos cicatrizados foram realizadas. RESULTADOS: A graduação histológica foi mais significante para os grupos do AH e GA quando comparado ao grupo C. O GA estimulou o aparecimento de macrófagos, células gigantes e aumentou a concentração de colágeno na área da ferida quando comparado ao AH. CONCLUSÃO: O uso tópico de GA em feridas intestinais promoveu a antecipação de eventos que são importantes na cicatrização de feridas.

Keywords : Galactano acídico; Ácido hialurônico; Pomacea sp; Glicosaminoglicanos.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License