SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número5Comparative study of inflammatory response and adhesions formation after fixation of different meshes for inguinal hernia repair in rabbitsIschemia and reperfusion in skin flaps: effects of mannitol and vitamin C in reducing necrosis area in a rat experimental model índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Acta Cirurgica Brasileira

versión On-line ISSN 1678-2674

Resumen

LUSTOSA, Suzana Angelica Silva et al. Análise da correlação entre a expressão da p53 e do bcl-2 com o estadiamento e o prognóstico do adenocarcinoma colorretal. Acta Cir. Bras. [online]. 2005, vol.20, n.5, pp. 353-357. ISSN 1678-2674.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502005000500003.

OBJETIVO: Analisar a correlação entre a expressão da p53 e do bcl-2 com o estadiamento e prognóstico do adenocarcinoma colorretal. MÉTODOS: Foi realizado o estudo de uma série retrospectiva de 125 doentes com adenocarcinoma colorretal (67 mulheres e 58 homens; 30 a 87 anos de idade), que se submeteram ao tratamento cirúrgico com intenção curativa. O tempo médio de seguimento foi de 28,5 meses (variação de 2 a 96 meses). O estadiamento TNM, a recidiva tumoral, a sobrevida e a mortalidade relacionada com o câncer foram analisados. A reação imunohistoquímica utilizada foi o DO& (Dako) para o p53 e o K492 (Dako) para o bcl-2. Tumores com intensidade de coloração citoplásmica para o bcl-2 e nuclear para o p53, acima de 10% de células foram considerados positivos. A análise estatística utilizada foi o teste qui-quadrado de Pearson, log-rank, Wilcoxon e estimativa de sobrevida de Kaplan-Meier (nível de significância : p<0,05). RESULTADOS: p53+ foi encontrado em 11.8% (14/118), bcl-2+ em 50% (58/116) e associados p53+/bcl-2+ em 6.4% (7/109) dos tumores. Não foi encontrado correlação significante entre a expressão tumoral destes marcadores e o estadiamento TNM I, II, III e IV (p=0.385 para a p53; p=0.461 para o bcl-2). Na recidiva tumoral, p53+ foi encontrado em 9.5% (2/21), bcl-2+ em 50% (11/22), e p53+/bcl-2+ associados em 5.2% (1/19) dos tumores (p=0.714, p=1.000 e p=0.960, respectivamente). Na análise de sobrevida, p53+: 57 meses (45.0-68.0), bcl-2+: 78 (37.0-89.0), e p53+/bcl-2+: 62 (56.0-68.0) (p=0.319). Para mortalidade relacionada com câncer, p53+: 8.3% (3/36), bcl-2+: 47.2% (17/36), e p53+/bcl-2+: 5.9% (2/36) dos pacientes (p=0.432, p=0.688 and p=0.907, respectivamente). CONCLUSÃO: Nenhuma correlação significante foi encontrada entre a expressão tumoral da p53 e do bcl-2 com o estadiamento TNM, recidiva, sobrevida e mortalidade relacionada com câncer.

Palabras llave : Neoplasias Colorretais; Marcadores Biológicos de Tumor; Estadiamento de Neoplasias; Prognóstico.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés