SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue2Embu Seeing Better: a complete eye health program proposal for preschool childrenNutritional status and iron deficiency among children enrolled in a day care center before and after 15 months of nutritional management author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Paulista de Pediatria

Print version ISSN 0103-0582On-line version ISSN 1984-0462

Abstract

OLIVEIRA, Sergio Ricardo L. de et al. Análise de metodologias de pesquisa sobre utilização de assentos de segurança infantil: lições de um projeto piloto. Rev. paul. pediatr. [online]. 2008, vol.26, n.2, pp.119-123. ISSN 1984-0462.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-05822008000200004.

OBJETIVO: Analisar metodologias de pesquisa sobre a utilização de assentos de segurança infantil. MÉTODOS: Quatro metodologias de pesquisa foram aplicadas, a fim de verificar o uso de assentos para transporte infantil em veículos que levavam crianças menores de quatro anos a uma creche, durante um dia letivo: inspeção sem entrevista, inspeção com entrevista, questionário auto-aplicativo e filmagem digital. As metodologias foram analisadas quanto à aceitação por parte dos sujeitos de pesquisa, capacidade de obtenção de dados e concordância de dados captados por instrumentos distintos. Aplicou-se análise de concordância (coeficiente de Kappa) para avaliar a homogeneidade dos dados obtidos pelas diversas metodologias. RESULTADOS: Foram observados 56 veículos, 75% deles com filmagem. O retorno do questionário auto-aplicado ocorreu em 70%. A capacidade de captação de dados foi de 99% para inspeção sem entrevista, 97% para inspeção com entrevista e 84% para filmagem digital. A inspeção sem entrevista mostrou-se mais concordante com os dados filmados. CONCLUSÕES: O alto índice de retorno do questionário auto-aplicável pode ter sido favorecido pelas características da população estudada. A filmagem mostrou-se inadequada por questões éticas e técnicas, além de considerável índice de recusa; porém, foi útil para indicar a confiabilidade da inspeção sem entrevista em relação ao local de assento das crianças. Detectou-se falha dos instrumentos em captar o gênero dos ocupantes dos veículos. Altos índices de captação de dados atestaram a aptidão das metodologias de inspeção com e sem entrevista para explorar a utilização de assentos de segurança infantil.

Keywords : acidentes de trânsito; assentos de segurança infantil; dispositivos de retenção infantil.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License