SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 issue2Growth charts in children with Down syndrome: a systematic reviewPrevalence of metabolic changes in children and adolescents: a systematic review author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Paulista de Pediatria

Print version ISSN 0103-0582

Abstract

MAIA, Alessandra Costa A.  and  COUTINHO, Sônia Bechara. Fatores que influenciam a prática do profissional de saúde no manejo da dor do recém-nascido. Rev. paul. pediatr. [online]. 2011, vol.29, n.2, pp. 270-276. ISSN 0103-0582.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-05822011000200020.

OBJETIVO: Apresentar revisão sobre as principais variáveis que podem influenciar as ações e as atitudes dos profissionais de saúde no manejo adequado da dor no período neonatal. FONTES DOS DADOS: Pesquisa bibliográfica, nas bases de dados Medline, SciELO e Lilacs, entre 1995 e 2009, restrita aos artigos escritos em inglês e português. Foram utilizados os seguintes descritores: "dor", "Terapia Intensiva Neonatal" e "profissional de Saúde". Avaliaram-se 88 artigos, sem seleção pelo desenho, sendo incluídos os 55 mais relevantes e recentes. SÍNTESE DOS DADOS: Os estudos confirmaram que o manejo da dor no neonato pelos profissionais de saúde é inadequado. Essa prática pode estar relacionada aos seguintes fatores: conhecimento insuficiente quanto à fisiopatologia da dor; não utilização de métodos de avaliação; falta de normatização sistemática ou protocolos; e falha na comunicação e incorporação da teoria na prática diária por parte da equipe multiprofissional. São acrescidos ainda os fatores subjetivos, pessoais e profissionais, que podem interferir na avaliação e no tratamento da dor no recém-nascido. CONCLUSÕES: Os obstáculos para um manejo adequado da dor são multifatoriais e o conhecimento das atitudes e crenças das equipes de saúde que trabalham com neonatos é muito importante. Há necessidade de investimentos na capacitação, formação e sensibilização dos profissionais acerca do controle e do tratamento da dor, com o intuito de proporcionar um cuidado mais humanizado ao neonato.

Keywords : dor; terapia intensiva neonatal; pessoal de Saúde.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese