SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue2Is it necessary and possible a sociology of art works?Images of violence: speech practice author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Tempo Social

Print version ISSN 0103-2070

Abstract

CASTRO, Nadya Araujo  and  COMIN, Alvaro A.. A alquimia organizacional: qualificação e construção do consentimento. Tempo soc. [online]. 1998, vol.10, n.2, pp. 113-144. ISSN 0103-2070.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-20701998000200008.

Dirigimos a nossa reflexão neste texto para três questões: 1) Como se têm manufaturado novas formas de consentimento em situações de reestruturação em empresas que já se caracterizavam, no contexto brasileiro, por um tipo de gestão mais moderna das relações sociais de trabalho, como é o caso de indústrias de processo na cadeia químico-petroquímica? 2) Poder-se-ia dizer que uma nova alquimia organizacional dos interesses estaria em curso, a sugerir a possível emergência de um novo regime fabril? 3) Qual o lugar das estratégias e políticas empresariais com relação à qualificação neste novo arranjo institucional de interesses? Procuramos enfrentar estas indagações através da análise de quatro estudos de caso que tipificam situações diferenciadas em termos de posição das empresas na cadeia produtiva, propriedade de capital, perfil dos mercados regionais de trabalho, contextos sindicais, natureza do regime de welfare e tipo de cultura gerencial.

Keywords : reestruturação industrial; qualificação; regimes fabris; gestão do trabalho.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese