SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue2Folklore and sociology in Florestan FernandesNiklas Luhmann author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Tempo Social

Print version ISSN 0103-2070On-line version ISSN 1809-4554

Abstract

FREHSE, Fraya. Potencialidades do método regressivo-progressivo: pensar a cidade, pensar a história. Tempo soc. [online]. 2001, vol.13, n.2, pp.169-184. ISSN 0103-2070.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-20702001000200009.

Sabendo que o método regressivo-progressivo de Henri Lefebvre foi explicitado pela primeira vez em dois artigos voltados a pensar a realidade social do mundo rural, meu objetivo, neste estudo, é explorar, à luz do exemplo paulistano de fins do século XIX, as potencialidades teórico-metodológicas do instrumento para uma reflexão sobre a historicidade dos processos sociais em um contexto urbano. Do ponto de vista teórico, o método permite uma compreensão mais abrangente de como o desencontro de temporalidades ligadas ao tradicional e ao moderno concorre para a dinâmica de urbanização que engolfou cidades como São Paulo no último quartel do XIX. E isso porque, em termos metodológicos, a perspectiva lefebvriana conduz, em relação ao contexto paulistano, a uma sistematização da documentação histórica que ressalta a coexistência, no tempo, de representações historicamente contraditórias sobre o dia-a-dia vivenciado no espaço da rua em meio ao processo histórico então em curso.

Keywords : historicidade; urbanização; método regressivo-progressivo; Henri Lefebvre; São Paulo; rua; transeunte.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License