SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 número2A particularidade do processo de socialização contemporâneo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Tempo Social

versão impressa ISSN 0103-2070

Resumo

MELLO E SILVA, Leonardo; NOZAKI, William Vella  e  PUZONE, Vladimir Ferrari. O trabalho visto de baixo. Tempo soc. [online]. 2005, vol.17, n.2, pp. 351-379. ISSN 0103-2070.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-20702005000200016.

O texto detém-se sobre um tipo particular de organização do trabalho, chamado de células de produção, aplicado em fábricas do ramo de confecção em São Paulo, focando a experiência das operárias que trabalham sob esse formato. Vários aspectos são ressaltados a partir dele, tais como o sistema de remuneração, a regulação do/pelo grupo, o treinamento e as exigências de qualificação, a flexibilidade produtiva e o significado, para o grupo operário, do deslocamento geográfico de unidades de produção. Tais aspectos aparecem como contraponto à experiência coletiva que conformou uma identidade de classe, hoje em processo de aparente decomposição. Uma das razões para isso seria o sucesso de iniciativas privativas e confinadas ao espaço da empresa, das quais as células de produção são um exemplo. A descrição pormenorizada de casos concretos pretende contribuir com alguns elementos para uma apreciação compreensiva do fenômeno e suas implicações teóricas para o debate sobre as classes sociais.

Palavras-chave : Organização do trabalho; Pós-fordismo; Classe social; Flexibilidade; Manufatura celular.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português