SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue5Management of totally implanted catheter in patients with cancer: an integrative reviewCuiabá Mobile Emergency Service: challenges and opportunities for nursing professionals author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Acta Paulista de Enfermagem

Print version ISSN 0103-2100

Abstract

SORIA, Denise de Assis de Corrêa et al. Resiliência na área da Enfermagem em Oncologia. Acta paul. enferm. [online]. 2009, vol.22, n.5, pp. 702-706. ISSN 0103-2100.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002009000500017.

Este estudo objetivou mapear a produção científica, nacional e internacional, sobre a resiliência na Enfermagem em Oncologia e discutir sua aplicabilidade na assistência. Resiliência origina-se do latim resiliens e significa saltar para trás, voltar, ser impelido, recuar, encolher-se, romper. Trata-se de revisão sistemática sem meta análise nas bases de dados Public Medical (PubMed), Literatura Internacional em Ciências da Saúde (Medline), Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e Base de Dados de Enfermagem (BDENF) e nos sites da Oncology Nursing Society e da International Society of Nurses in Cancer Care. Os descritores foram: resilience e nursing; resilience, cancer e oncology; resilience, nursing, cancer e oncology; resiliência e enfermagem; resiliência, câncer e oncologia; resiliência, enfermagem, câncer e oncologia. Foram encontrados 116 artigos e selecionados cinco artigos que abordam a resiliência vinculada à Enfermagem em Oncologia. Verifica-se uma lacuna na utilização do conceito na Enfermagem em Oncologia na América Latina, e incipiência nas produções internacionais. Há necessidade do incremento da abordagem da resiliência nessa área e ampliação da discussão na temática.

Keywords : Enfermagem oncológica; Resiliência; Literatura de revisão.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese