SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue5Analysis of the capacity of preventive diagnostic tests for cervical cancerRelationship between hospital morbidity and vaccination coverage against Influenza A author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Acta Paulista de Enfermagem

On-line version ISSN 1982-0194

Abstract

BACKES, Marli Terezinha Stein; BACKES, Dirce Stein  and  ERDMANN, Alacoque Lorenzini. Relações e interações no ambiente de cuidados em Unidade de Terapia Intensiva. Acta paul. enferm. [online]. 2012, vol.25, n.5, pp. 679-685. ISSN 1982-0194.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-21002012000500006.

OBJETIVO: Discutir as relações e interações do ambiente de cuidados em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). MÉTODOS: Estudo de abordagem qualitativa foi fundamentado na "Grounded Theory". Foram entrevistados 47 sujeitos diferenciados de três UTIs Adulto, localizadas em Florianópolis/SC, Santa Maria/RS e Pelotas/RS, entre junho de 2009 e setembro de 2010. RESULTADOS: Neste estudo, são apresentadas e discutidas duas categorias: "A rede de apoio, a ordem/desordem e perturbações no ambiente de UTI"; "Convivendo com certezas, incertezas e contradições no ambiente de UTI". CONCLUSÃO: Considera-se necessário compreender o ambiente de UTI a partir de uma visão sistêmica. E isso significa acolher a circularidade e dinamicidade de ordem-desordem-organização que continuamente (re) alimentam as relações e interações humanas e profissionais nesse ambiente.

Keywords : Administração sistêmica; Relações interprofissionais; Relações profissional-família; Relações profissional-paciente; Unidades de terapia intensiva.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese