SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número6Visibilidade política e controle da produção jornalística nos veículos de comunicação da Câmara dos DeputadosO jornalismo político índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciência Política

versão impressa ISSN 0103-3352

Resumo

MIGUEL, Luis Felipe. Falar bonito: o Kitsch como estratégia discursiva. Rev. Bras. Ciênc. Polít. [online]. 2011, n.6, pp.183-202. ISSN 0103-3352.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-33522011000200008.

Segundo Umberto Eco, uma das características do Kitsch é se constituir em "meio de afirmação cultural fácil, por um público que se ilude, julgando consumir uma representação original do mundo enquanto, na verdade, goza apenas de uma imitação secundária da força primária das imagens". O artigo desenvolve um entendimento de Kitsch político, observando que, na era dos meios eletrônicos de comunicação, o discurso político deve utilizar signos de distinção, que marquem suas diferenças em relação às formas expressivas correntes na mídia e deem à audiência a impressão de assistir à "alta política", associada à "disputa de ideias" e à discussão aprofundada.

Palavras-chave : Kitsch; discurso político; representação política; mídia e política; estética política.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons