SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 issue9Democracy and class inequalitiesDemocratic citizenship and political inclusion of women author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ciência Política

Print version ISSN 0103-3352

Abstract

MENDONCA, Ricardo Fabrino. Democracia e desigualdade: as contribuições da teoria do reconhecimento. Rev. Bras. Ciênc. Polít. [online]. 2012, n.9, pp. 119-146. ISSN 0103-3352.  http://dx.doi.org/10.1590/S0103-33522012000300005.

O presente artigo busca discutir as contribuições conceituais que surgem do diálogo entre a teoria do reconhecimento e a ideia de democracia, a fim de explorar o problema das desigualdades. O texto começa com uma apresentação da teoria do reconhecimento de Axel Honneth. Em seguida, desenvolvem-se algumas das principais ideias de Dewey, de modo a evidenciar as consequências delas sobre a teoria de Honneth. Desse frutífero diálogo, nasce uma abordagem democrática da justiça que tem, pelo menos, cinco pontos fortes: (1) adota uma concepção não institucional de política; (2) parte da constatação da opressão; (3) ultrapassa a dualidade entre público e privado; (4) opera com uma visão não homogeneizadora de igualdade; e (5) quebra a cristalizada dicotomia entre indivíduo e comunidade, que alimenta a suposta oposição entre liberalismo e comunitarismo.

Keywords : reconhecimento; democracia; desigualdades; Honneth; Dewey.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese