SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número15Judicialização da política no Brasil: ver além do constitucionalismo liberal para ver melhorTolerância e neutralidade na reflexão contemporânea sobre a justiça índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciência Política

versão impressa ISSN 0103-3352

Resumo

PETRONI, Lucas. Temos o dever de tolerar?. Rev. Bras. Ciênc. Polít. [online]. 2014, n.15, pp.95-125. ISSN 0103-3352.  https://doi.org/10.1590/0103-335220141505.

A tolerância é uma virtude difícil de ser praticada. Contudo, sociedades democráticas dependem dessa virtude todas as vezes que conflitos morais dividem cidadãos comprometidos com concepções de vida inconciliáveis entre si. O primeiro objetivo deste artigo é apresentar um modelo analítico da tolerância como um valor moral determinado - contra concepções instrumentais do valor. Em segundo lugar, o artigo procura demonstrar que, diferentemente do argumento liberal clássico, no qual o dever de tolerar é justificado pelo do valor da autonomia pessoal, podemos construir uma teoria da tolerância que tenha por premissa normativa a relação de reciprocidade política entre iguais em cidadania.

Palavras-chave : tolerância; justiça; imparcialidade liberal; autonomia.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )